in ,

Anne-Sophie Pic – A Rainha Da França

Conheça A História Fantástica Da Chef Icônica do Maison Pic

anne-sophie-pic
Anne-Sophie Pic (Foto: Reprodução)

Anne-Sophie Pic, uma das raras mulheres a receber três estrelas do Guia Michelin, é com toda certeza uma das mais notáveis Chefs da cozinha francesa e mundial.

A Chef que aos 50 anos de idade é considerada a rainha da culinária da França.

Um justíssimo título para a profissional que é a única Chef a levar seus restaurantes à conquista da incrível marca de oito estrelas do mais relevante guia gastronômico do planeta. O Guia Michelin.

Além, de comandar a cozinha e administrar o Maison Pic em Valence, Anne-Sophie Pic ainda administra outros quatro restaurantes em Valence, Paris, Lausanne e Londres e um sexto recém-inaugurado em Cingapura.

A Dinastia Gastronômica Centenária De Anne-Sophie Pic

Uma história de sucesso que começou a ser construída por sua bisavó Sophie há exatos 132 anos quando em 1889 quando abriu uma pousada simples chamada Café-Restaurant du Pin.

Um restaurante que conquistou reconhecimento e fama nas mãos de seu filho mais velho André Pic, depois de ter sido aprendiz em Paris. Aos 20 anos, tornado-se Chef Saucier no famoso Hotel d’Orsay e retornado a estalagem para assumir a cozinha e mais tarde muda-la para a Route Nationale 7, a própria Route 66 da França, a via principal entre Paris e a Riviera.

Em 1934, o Guia Michelin concedeu três estrelas ao restaurante levando André Pic ao status de grande Chef de cozinha da França. Um legítimo reconhecimento às suas prestigiadas especialidades: O lagostim gratinado e o boudin Richelieu, um quenelle de pique clássico em molho Nantua.

Porém, como histórias não são feitas apenas de glórias, a terceira estrela foi retirada após o período da grande guerra que assolou o mundo e só foi recuperada por seu filho, e pai de Anne-Sophie, Jacques Pic em 1973.

Jacques Pic criou um dos primeiros menus de degustação, o menu Rabelais, como também inúmeros pratos inventivos como o Orange and Grand Marnier iced soufflé.

Com sua morte prematura em 1992 o restaurante familiar Maison Pic passou ao comando de Alain, irmão de Anne-Sophie, e mais uma vez, em 1995, a terceira estrela foi retirada do restaurante.

A Dinastia Sob O Comando De Anne-Sophie Pic

Anne-Sophie Pic que se formou em ISG (índice de satisfação geral)  em uma escola de gestão em Paris por desejar trabalhar com comércio de luxo, jamais pensara em seguir a tradição familiar e muito menos assumir o comando da dinastia.

Mas, a morte do pai e o insucesso do irmão a levou assumir, em parceria com seu marido David Sinapian, o restaurante da família em 1998. Ele a administração e ela a cozinha.

Onde desabrochou seu dom jamais imaginado que unia delicadeza e intuição na criação de pratos que a remetiam às lembranças de sua infância.

Reconquistando com seu trabalho a terceira estrela nove anos depois de assumir a cozinha do Maison Pic, em 2007, tornando-se a única Chef de cozinha mulher na França a receber essa merecida graduação.

E, não parou por aí!

Ainda, conquistou mais duas estrelas para seu restaurante no hotel Beau-Rivage, de Lausanne, uma para o La Dame de Pic em Paris e mais duas para outro restaurante com mesmo nome em Londres, na Inglaterra.

A Cozinha De Anne-Sophie Pic

Anne-Sophie Pic, que somente começou a cozinhar em 1992 com seu pai um pouco antes de sua morte, ao assumir a cozinha do Maison Pic passou por um difícil aprendizado em uma cozinha onde só havia homens que eram bastante resistentes a ela e, principalmente por sua posição de comando.

Um início de carreira bastante difícil que somente lhe renderam críticas positivas elogiando a maturidade e a consistência da comida após três anos de trabalho duro e corajoso.

E, resultado do afloramento de sua arte culinária hereditária, natural e autodidata que transformou o cardápio.

“Quando comecei, me concentrei no futuro, não no passado, eu precisava forjar minha própria identidade culinária.”Anne-Sophie Pic.

Retirou alguns dos pratos de seu avô e de seu pai do cardápio, mas atraída por um forte sentimento nostálgico retornou ao passado trazendo pratos do legado culinário familiar com novas interpretações.

Uma culinária que transmite emoções ao inovar a associação de sabores sem nunca deixar de lado a tradição da gastronomia francesa.

“Na França, temos um patrimônio muito rico. Mas não podemos permanecer voltados para o passado, é importante transmitir tudo o que temos para as gerações futuras. Por exemplo, eu adoro trabalhar com algumas variedades de legumes esquecidas e eu consigo integrar essa tradição em uma linha mais contemporânea da minha culinária.”Anne-Sophie Pic.

A cozinha de Anne-Sophie Pic é pautada pelo conceito da harmonia onde cada elemento desempenha sua função com ousadia e meticulosa precisão assertiva.

“Esse é o verdadeiro desafio: ser ousado na cozinha, mas sempre preservando a harmonia.”Anne-Sophie Pic.

Para ela a culinária deve ser emocional, e para que isso aconteça o gosto da comida precisa ter o gosto que tem um início e um fim o mais duradouro possível.

O que, realiza com perfeição em seus com pratos com toques botânicos surpreendentes e combinações de sabores que atingem emocionalmente cada um de seus clientes.

Como o famoso les berlingots, preparados em formas triangulares de massa imitando os doces duros de berlingot e levemente fumados com queijo Banon provençal feito de leite de cabra, onde saborosos pacotes, parecidos com raviólis, flutuam em um consomé de agrião coberto com camadas de gengibre e bergamota.

E ainda, outros pratos tão famosos quanto, como o Lagostins combinados com mel de urze branca, pregado selvagem com folhas de azeda e canela e carne com gim e sobacha, um chá de trigo sarraceno torrado e o l’huitre Tarbouriech, um prato composto por uma curiosa fusão de ostras, café e uísque.

E claro, o Le mille-feu feuille blanc, uma sobremesa que remete a uma visão monocromática em branco.  Um cubo de massa folhado coberto com creme de baunilha do Taiti acentuado com kumquat confit e espuma de pimenta Timut sobre o prato.

A grande ousadia culinária de Anne-Sophie Pic é adicionar ao uso sensível de ervas combinações inimagináveis e perfeitamente equilibradas ​​de doce, azedo, salgado e picante.

Anne-Sophie Pic, a rainha da culinária da França, privilegia as técnicas da cozinha francesa clássica, com nova leveza e complexidade que leva os sabores inusitados e inesquecíveis ao seus pratos.

“Quando eu crio minha paleta de aromatização, para verificar se os sabores estão correspondendo, às vezes tenho revelações. Então eu tento deixar esses sabores os mais intactos possíveis, em um caldo, numa infusão ou numa manteiga. Foi assim que um dia eu descobri o sabor do outono com a combinação de pinheiro, zimbro e bergamota. Portanto, foi um sabor que reproduziu uma emoção que senti enquanto caminhava num bosque.”Anne-Sophie Pic.

Maison Pic – O Restaurante 3 Estrelas De Anne-Sophie Pic

Listado entre os 50 melhores restaurantes do mundo, o estrelado Maison Pic está localizado nos arredores de Valence, no Vale do Ródano, França. Uma localização bastante monótona para um ponto culinário tão famoso, tão prestigiado e tão requisitado pelos franceses e viajantes de todo o mundo.

A cozinha é deslumbrante cozinha e com uma maravilhosa vista através de janelas do chão ao teto para um jardim ainda mais deslumbrante.

O local de trabalho de Anne-Sophie Pic onde ela prepara os serviços de almoço e jantar delicadamente construídos, camada por camada, passo por passo, como se conduzisse a criação de uma poderosa, tranquila e harmônica obra de arte.

Em que o processo de corte dos vegetais começa por um corte em Juliana para depois serem cortados em cubinhos e em pedaços ainda mais finos de brunoise.

Os pratos são lavados com luvas brancas.

E, antes de iniciar o serviço o sommelier e seus Chefs são consultados sobre as melhores combinações de sabores de ingredientes da temporada.

Tanto, das regiões mais próximas: Auvergne, Rhône e Alpes, como de localidades mais distantes como Provença e Córsega.

E, um salão confortavelmente elegante, aberto e arejado com mesas forradas com toalhas de passadas a ferro a vapor onde os clientes degustam os pratos mais saborosos da moderna culinária francesa.

Anne-Sophie Pic Além Do Maison Pic

anne-sophie-pic
Anne-Sophie Pic (Foto: Reprodução)

Além, do icônico Maison Pic, Anne-Sophie Pic administra o André, um bistrô casual que leva o nome de seu avô, também localizado em Valence, restaurantes uma estrela em Paris, dois duas estrelas, sendo um em Londres e o outro em Lausanne na Suíça.

Também, dirige uma escola de culinária, uma Loja de conveniência,  dois estabelecimentos de atendimento rápido chamados Daily Pic e o restaurante recém-inaugurado em Cingapura.

Não é atoa, que Anne-Sophie Pic é a rainha da culinária da França.

O que você acha?

Escrito por A Cozinha Francesa

A Cozinha Francesa é um site que existe para demonstrar todo o amor que temos por essa gastronomia maravilhosa. Aqui você vai encontrar receitas, dicas, ingredientes e tudo que gira em torno da cozinha francesa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

livros-de-gastronomia

Os 10 Livros de Gastronomia Mais Icônicos da Cozinha Francesa

cozinha-francesa

Cozinha Francesa: História, Regiões, Ingredientes e Dicas